Semana da Leitura na EPADRPL

Foi com grande entusiasmo que, entre os dias 9 e 11 de março, a comunidade escolar da EPADRPL comemorou a Semana da Leitura.

Neste contexto, o Departamento de Línguas, particularmente a professora de Português, Marina Pinheiro, com vista a celebrar a leitura, o livro e o leitor, promoveu diversas atividades para festejar a leitura como ato comunicativo, diálogo entre as artes, as humanidades e as ciências, espaço de encontro, criativo e colaborativo.

No primeiro dia, 9 de março, os alunos, distribuídos por dois grupos, desfrutaram de uma sessão no auditório da escola, tendo-lhes sido proporcionada a oportunidade de desconstruir o tema “leitura”, através de um encontro, bastante animado, com a escritora Maria Luísa Moreira, natural do Alentejo e mãe da nossa professora de Espanhol, Joana Fornelos. Tratou-se de uma sessão cheia de ouvintes atentos e curiosos. De salientar, igualmente, a capacidade de comunicação empática da escritora que, desde logo, conseguiu prender a atenção dos alunos, mostrando-lhes a importância da leitura nos diferentes contextos da vida escolar e social. A apresentação do encontro esteve a cargo de dois alunos da turma 1.º A, Guilherme e Lara.

No dia 10 de março, foi a vez de nos deleitarmos com a leitura dramatizada do diálogo entre o Professor e aluno Tonecas, numa “Lição de Gramática”, comicamente dinamizada pelos alunos Guilherme, Afonso e Ivo do 1.º A, tendo estes percorrido os diferentes locais da escola: bar dos alunos, sala dos professores, serviços administrativos e direção.

A terceira atividade, realizada durante os dias 9, 10 e 11 de março, teve como objetivo a leitura de excertos de obras literárias, poemas, crónicas, artigos, curiosidades científicas, entre outros, em contexto de aula. Cada professor, do primeiro tempo da manhã, escolheu um excerto para levar para a sala/espaço de aula, lendo-o e partilhando-o com os seus alunos. Em sala de aula ou ao ar livre, todos os espaços foram adequados para professores e alunos lerem expressivamente, saborearem as palavras e as mensagens dos autores e, em alguns casos, refletirem sobre os mais diversos temas. 

Ficou a vontade de que esta iniciativa se repita, ainda com mais força, no próximo ano.