As “pragas” em estudo pelos alunos do 2.º A do Curso Profissional Técnico de Produção Agropecuária

Nas aulas práticas no laboratório, no âmbito da UFCD "Proteção das plantas", e sob a supervisão da professora Goreti Barros, os alunos do 2.º A, do Curso Profissional Técnico de Produção Agropecuária, têm efetuado o estudo morfológico de pragas que atacam as culturas e que provocam avultados prejuízos económicos aos agricultores.

No dia 7 de novembro, a praga estudada foi a Drosophlia Suzukii, que está a ser monitorizada pelos alunos com armadilhas colocadas na vinha da escola. Nesta atividade, os alunos, através das diferenças morfológicas, fazem a separação, contagem e a seleção dos machos e das fêmeas.

Após este trabalho laboratorial, as Drosophlias serão encaminhadas pelos técnicos da Direção Regional de Agricultura do Norte para a Faculdade de Ciências do Porto, onde os investigadores estão a fazer o estudo da praga, uma vez que o seu aparecimento em Portugal é relativamente recente.